Pesquisar
Close this search box.

4 sinais de que você precisa investir em ERP para sua loja de materiais de construção

Basicamente, um ERP para loja de materiais de construção é um software que engloba dados e processos da empresa. Seu principal objetivo é realizar a integração entre as diferentes áreas da organização, o que torna a gestão muito mais otimizada e eficiente, além de facilitar na tomada de decisões.

Na prática, o ERP é um sistema que proporciona diversos benefícios à empresa, como o maior alinhamento entre os processos, facilidade para encontrar informações de diversos setores e muito mais. Esse é um sistema importante para uma loja de materiais de construção, pois oferece mais controle sobre os processos e maior agilidade ao realizar as atividades da loja.

A seguir, mostramos como funciona um ERP e quais os sinais de que sua loja precisa desse recurso. Continue conosco e boa leitura!

Como funciona um software ERP e qual a sua importância?

Um sistema ERP é um software que faz a integração entre diversas áreas de uma empresa. De uma forma resumida, ele compartilha informações entre vários setores de maneira automática, como o financeiro e o contábil, o vendas e o compras, o estoque e a logística etc. Isso proporciona mais agilidade nos processos, reduz a ocorrência de erros operacionais e ainda ajuda na redução de custos.

Essa integração também permite que o gestor tenha uma resposta rápida na tomada de decisões, pois traz uma visão ampla de diversos processos da empresa. Por meio do acompanhamento dos dados consolidados no ERP é possível, por exemplo, verificar a evolução na venda de determinado produto, a variação no ticket médio ao longo do dia, da semana ou de determinado período do ano, entre outros indicadores que o gestor pode optar por acompanhar.

Como saber se a sua loja de materiais de construção precisa de um ERP?

O gerente de uma loja de materiais de construção, assim como qualquer gestor de empresa, precisa acompanhar muitos indicadores ao mesmo tempo para conseguir tomar decisões mais estratégicas. Relacionar uma grande variedade de dados, no entanto, pode ser bastante desafiador, principalmente se tais dados não forem de fácil acesso, ou se estiverem separados em ferramentas distintas que não se comunicam entre si — como é o caso de quem ainda controla informações em planilhas ou no papel. Se esse for o seu caso, confira a seguir os principais sinais de que chegou a hora da sua loja investir em um software ERP.

1. Processos desalinhados

Imagine uma loja de materiais de construção que faça diversas entregas a seus clientes ao longo do dia. O setor de logística requer um bom planejamento sobre a quantidade de entregas que precisam ser realizadas, o número de caminhões disponíveis e suas respectivas rotas, assim como a necessidade de controlar a emissão de notas fiscais, que também deve estar em harmonia com todo esse fluxo.

Controlar todos esses processos de forma manual pode causar erros simples, mas custosos, como dois funcionários prepararem e despacharem o mesmo pedido em caminhões diferentes. Nesse sentido, o ERP ajuda a organizar as atividades de forma lógica e eficiente, facilitando a rotina dos próprios funcionários e proporcionando mais informação à gestão, que pode decidir com mais facilidade sobre a necessidade de crescimento da operação ou sobre como melhorar os processos para diminuir o tempo de entrega e economizar recursos, por exemplo.

2. Falta de acesso a informações do negócio

Outro sinal de que é o momento de utilizar um software de gestão é quando falta informações básicas sobre o negócio, ou então, quando elas tomam muito tempo para serem geradas. Sem a utilização de um sistema ERP é difícil acompanhar a evolução nas vendas de um produto, comparar seu preço de venda com o custo e a margem de lucro, analisar seu desempenho ao longo do tempo para conferir se vale a pena continuar investindo nessa mercadoria. Esses são alguns exemplos simples, mas muito comuns de indicadores que o software ERP gera de maneira automatizada.

Se o software for específico para o segmento varejista de construção, então, ele terá ainda mais recursos para auxiliar o gerente ou administrador da empresa, como por exemplo, controlar o andamento dos orçamentos gerados, comparar os preços praticados na sua loja e os da concorrência, analisar a porcentagem de clientes inadimplentes etc.

3. Desorganização e falta de controles

Praticamente todos os setores da empresa produzem lançamentos contábeis, pois qualquer movimentação que envolva o financeiro precisa ser devidamente registrada para evitar problemas com o Fisco. Veja alguns exemplos: entrada e saída de mercadorias, compra e venda de bens patrimoniais da empresa, como carros e caminhões, entre muitos outros.

Esses lançamentos, além de serem essenciais para a gestão contábil e fiscal, mantendo a empresa dentro da legalidade, também contribuem para a tomada de decisões financeiras pela empresa. O controle manual desses registros pode levar a desorganização, grandes chances de erros operacionais ou de esquecimentos — o que também pode trazer mais problemas para a empresa em caso de fiscalização pelos órgãos competentes.

Com a utilização de um ERP esses lançamentos são automaticamente integrados, o que praticamente elimina todos esses problemas. Além disso, no ERP é possível gerenciar diversos centros de custos, contas contábeis e gerar diferentes tipos de relatórios, que são essenciais para a contabilidade e para a gestão financeira da empresa.

4. Dificuldades de planejamento

Como mencionamos, o gestor de loja de materiais de construção precisa acompanhar diversos indicadores para tomar decisões com base na análise de dados. A utilização de um ERP facilita a obtenção dessas informações, além de auxiliar na realização de muitas outras atividades do dia a dia da loja.

Entre as dificuldades de quem não utiliza o software ERP para a gestão do negócio, está justamente a dificuldade de se planejar para o futuro do empreendimento. Seja na hora de decidir onde e quando investir, ou na hora de negociar um empréstimo empresarial, com o ERP essas decisões ficam mais simples, pois é possível acompanhar o histórico financeiro ao longo dos anos e realizar projeções de curto, médio e longo prazo.

Como escolher um ERP para loja de materiais de construção?

É fato que existe uma infinidade de softwares ERP no mercado atualmente. Porém, ao optar por um sistema, é importante avaliar suas funcionalidades, principalmente, pois elas devem atender ao formato do negócio.

O varejo de materiais de construção possui processos e atividades bem característicos, como a necessidade de um eficiente controle logístico, um rígido controle de orçamentos e pedidos de vendas, entre outras questões específicas do setor. Por isso, ao buscar um software para a sua loja, certifique-se que ele oferece recursos para atender essas particularidades.

Outro fator importante é a facilidade de operação do sistema, ou seja, se seus colaboradores conseguem utilizar seus recursos no dia a dia sem grandes dificuldades. Nesse sentido, busque por recomendações de quem já utiliza o software que você está avaliando e também se a empresa que o desenvolve oferece treinamentos para capacitação dos usuários do sistema.

A CISS é referência no ramo de tecnologia para o varejo de materiais de construção, pois oferece um conjunto de soluções que atendem todos esses requisitos, auxiliando em diversas rotinas de uma loja de materiais de construção:

  • O CISSPoder é um sistema ERP desenvolvido especialmente para esse setor e atende a uma série de demandas específicas do segmento;
  • O CISSGo é um aplicativo para dispositivos móveis que permite a geração de orçamentos e pedidos de venda de maneira remota;
  • O SelfCheckout CISS, que permite uma experiência de vendas diferenciada, é o primeiro PDV de autoatendimento para lojas de materiais de construção do Brasil;
  • O CISSTrack é um aplicativo que roteiriza e acompanha as entregas de mercadorias;

Todas essas soluções são nativamente integradas, o que facilita ainda mais a integração de dados entre os setores. Vale ressaltar que um dos principais diferenciais do CISSPoder, o ERP da CISS, é o perfeito funcionamento entre as áreas contábil e fiscal, pois o sistema é constantemente atualizado para atender a todas as exigências legais, federais e estaduais, referentes à tributação.

Além disso, o CISSPoder facilita a geração do DRE (Demonstrativo de Resultados do Exercício), um documento contábil que possibilita visualizar a situação financeira da empresa de maneira completa — o que permite análises horizontais e verticais. Portanto, é uma ferramenta completa para a tomada de decisões pela empresa.

A utilização de um ERP para loja de materiais de construção ajuda a resolver diversos problemas, como a falta de organização e de informações importantes sobre a saúde da empresa. Portanto, escolher uma solução que ofereça funcionalidades para eliminar esses transtornos e possibilitar informações relevantes e atualizadas, é primordial para os gestores que querem tomar decisões melhores na hora de conduzir seus negócios.

Agora que você já sabe como um ERP é importante para uma loja de materiais de construção, entre em contato conosco e conheça mais sobre as soluções que apresentamos ao longo do texto. É só preencher seus dados no formulário, que nossa equipe liga para você!

Pesquise no blog da CISS
Pesquisar
Artigos recentes​
Inscreva-se

Quer receber dicas de gestão exclusivas gratuitamente?

Para saber mais sobre como a CISS coleta, utiliza, compartilha e protege seus dados pessoais, leia a Política de Privacidade da CISS.

Compartilhe:
Você poderá gostar também: