O varejo está em constante evolução, impulsionado por mudanças tecnológicas e a busca constante por mais eficiência. Eduardo Córdova, CEO do market4u, destaca uma tendência clara no setor: o uso crescente de tecnologias, como sistemas ERP (Enterprise Resource Planning), essenciais para tornar a gestão do varejo mais eficiente e ágil.

Neste artigo, listamos o que você, empresária e/ou empresário do varejo, deve considerar ao escolher um sistema de gestão para o seu negócio, seja ele uma PME ou uma grande empresa. O objetivo é ajudar você a ter mais sucesso nesse segmento tão competitivo. Boa leitura.

O que é um ERP para varejo?

Um ERP para varejo é uma ferramenta que unifica e automatiza diversos processos do negócio, incluindo finanças, compras, estoque, vendas e contabilidade.

A vantagem principal é reunir todos esses dados em uma única plataforma, proporcionando uma visão completa da sua operação.

Como funcionam os ERPs para varejo?

Os ERPs funcionam como um sistema centralizador. Eles reúnem dados de todos os departamentos em um único local, o que simplifica a comunicação interna, aumenta a eficiência e reduz erros operacionais.

ERPs especializados no varejo oferecem funcionalidades pensadas para atender as necessidades específicas desse segmento, como, por exemplo, controlar a entrada e saída de um grande volume de mercadorias.

Além disso, os ERPs são modulares, assim você pode adquirir os módulos de acordo com as necessidades do seu negócio. Isso permite que varejistas de todos os tamanhos adaptem o sistema para atender demandas exclusivas.

Diferenças entre ERPs: qual é o melhor?

Atualmente, existem no mercado uma infinidade de sistemas de ERP especializados nos mais diferentes segmentos, tamanhos e porte de empresas. Com isso, sua escolha deve ser orientada pelas características e necessidades específicas do seu negócio. Ferramentas como a análise SWOT e o ciclo PDCA podem ser úteis nessa avaliação.

Em seguida, vamos te ajudar a comparar as principais funções que um sistema ERP especializado no varejo deve oferecer.

Lembre-se de considerar também alguns pontos que vão além das funcionalidades do sistema, como custos de implantação, serviços inclusos e utilidades extras. O objetivo é encontrar um sistema que atenda às necessidades da sua empresa de forma segura e eficiente.

Grande empresa x pequena e média empresa

Confira a tabela abaixo com o comparativo entre as funções principais de um ERP para varejo e veja as diferenças entre os sistemas de acordo com o porte da sua empresa.

FunçõesERP para grande empresaERP para pequena e média empresa
Gestão de estoqueCompleta e altamente escalável para atender às demandas de grandes volumes de produtos. Possui recursos avançados para monitorar estoque em vários locais e filiais.Adequada às necessidades de estoque de médio porte, oferecendo controle eficaz. Simplifica a gestão de estoque para equipes menores.
Controle financeiroMódulos financeiros abrangentes que lidam com previsões financeiras, orçamentos, contas a pagar/receber, fluxo de caixa, conciliação bancária etc. Suporta processos complexos de análise financeira e relatórios.Foco em funções essenciais de contabilidade, fluxo de caixa e contas a pagar/receber. Atende às necessidades financeiras básicas da empresa.
Gestão de vendasTotalmente preparado para lidar com uma ampla gama de produtos, vendedores e canais de vendas. Oferece ferramentas avançadas para melhorar a relação com o cliente.Proporciona funções de vendas e interação com o cliente adaptadas para PMEs.
Ajuda a melhorar o atendimento ao cliente e a fidelização.
Gestão de comprasAuxilia na organização de um grande número de fornecedores, otimizando pedidos de compra em grande escala para várias filiais. Automatiza processos como cotações, bonificações e aprovações.Fornece funções básicas de compras, como registro de fornecedores e pedidos. Oferece sugestões de compra baseada em dados históricos, simplificando processos de compra para negócios menores.
Analytics e relatóriosOferece análises avançadas e relatórios personalizados para diretores e gerentes. Ajuda a identificar tendências e oportunidades de otimização.Disponibiliza relatórios básicos para avaliação de desempenho. Fornece insights essenciais para a tomada de decisões.
Integração com outras ferramentas e sistemasIntegra-se facilmente com plataformas de e-commerce, marketplaces, CRM, WMS etc.Oferece integração limitada ou intermediária com outras ferramentas.
PersonalizaçãoPode ser personalizado para se adequar às necessidades exclusivas de grandes empresas.Oferece personalização limitada ou intermediária.
PreçoNormalmente envolve um investimento significativo, mas oferece recursos avançados em troca.Mais acessível em comparação com soluções para grandes empresas.
ImplantaçãoA implantação pode ser mais demorada e complexa devido à escala dos processos e da empresa.A implantação geralmente é mais rápida e simples, considerando a quantidade e complexidade dos processos das PME.

Esses são apenas alguns pontos principais para considerar na hora de escolher um ERP para sua empresa. É importante lembrar de avaliar outros pontos como: suporte, treinamento e capacidade do fornecedor de evoluir junto com o seu negócio.

A importância da implementação do sistema de gestão

Independentemente do tamanho da sua empresa no varejo, a implementação de um ERP exige atenção e planejamento. Uma implantação bem-sucedida envolve etapas como:

✔ levantamento de requisitos e plano de ação;
✔ treinamento da equipe;
✔ migração de dados e configurações iniciais;
✔ suporte contínuo.

Isso garante que o sistema funcione eficazmente e atinja os objetivos da empresa. Também auxilia na adaptação e engajamento dos funcionários ao novo sistema.

Portanto, escolher o sistema de gestão certo é um passo importante para varejistas que almejam crescer de forma sustentável e eficiente. Existem muitas opções no mercado e a CISS é especializada no desenvolvimento de ERPs para o varejo, auxiliando milhares de empresas como a sua a obterem melhores resultados e competitividade. Para saber mais sobre nossas soluções, agende agora uma demonstração.

Compartilhar